A ETERNIDADE É O PRESENTE

A eternidade é o presente
Não duvide meu irmão
O passado já passou
O futuro é ilusão
Só o presente é concreto
Você pode sentir na mão

Como a gente perde tempo
Com desejos de montão
O desejo faz sofrer
Desprezamos o quinhão
O que temos nos satisfaz
Faz feliz o coração

Bem conseguimos uma coisa
De olho em outras estão
Não se satisfaz com nada
É a ganância o mandão
Se queres parar de sofrer
Diga para o desejo, não.

Você já viu o tamanho
Do presente, cidadão?
O presente é grandioso
Tem coisas, mais de um milhão
Estão escondidos, invisíveis
Só basta prestar atenção

Por falar em atenção
Atenção é energia
Gerada dentro de nós
Dia e noite, noite e dia
Nosso corpo é gerador
De uma infinita energia.

Já falando em energia
Você é quem vai decidir
O que vai fazer com ela
Se tristeza ou alegria
Esta decisão é sua
Nesta hora, és o guia.

És o artista da festa
Festa se chama o dia
Está tudo disponível
Na sua frente, aprecia
Abra os olhos pra ver
Grande beleza a luz alumia.

Logo as quatro da manhã
Os pássaros acordam cantando
Passam doze horas no ar
Brincando, correndo e gritando
Espalhando a alegria
Nosso dia embelezando

As flores com a luz do sol
Se abrem jorrando perfume
Abelhas fazendo o mel
Fazendo o mel que nos une
É beleza, perfume e açúcar
Adoçando nosso mundo.

Estamos no meio da festa
O vento acariciando
O céu azul, nuvens brancas
Um cenário deslumbrante
Tudo acontece ao mesmo tempo
A vida é ágil e brilhante

Eternidade é o presente
Sentimos na pele o calor
Só se sabe o valor de um abraço
Quando no coração tem amor
O abraço parece o colo
De um santo protetor

Os sabores desta vida
São milhares pra agradecer
É o doce, o amargo, o salgado
A gente é que vai escolher
Você é que faz sua escolha
Sua escolha é que faz você.

Leôncio Queiroz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *